Estudo - Oração de Francisco de Assis

    Índice de Artigos

    "amar do que ser amado"

    Pedir a Deus para amar mais do que ser amado é um resumo de tudo que falamos até agora: "que eu faça os outros felizes, mas que a minha felicidade seja apenas por servir ao próximo como instrumento de Deus e não condicionada a ser servido".

    Ou seja, "que eu faça os outros felizes, mas não dependa deles para ser feliz".

    O ser humanizado não pode viver na dependência dos outros, dos objetos ou dos acontecimentos.

    A felicidade universal sempre está no universo à disposição de todos, pois Deus a espalha constantemente.

    Ela está à disposição de quem quiser ser feliz, mas o ser humanizado não consegue se conectar a ela porque ainda coloca obstáculos para isso: o contentamento da sua verdade, do seu desejo, da sua paixão.


    "Senhor, fazei que eu ame mais do que seja amado. Senhor, fazei com que eu leve a felicidade verdadeira a todos, mas que eu não espere a retribuição, a compreensão, nada, para ser feliz".

    Isto é o que você pede quando reza a oração do São Francisco.

    Em resposta, Deus lhe dá a oportunidade de amar incondicionalmente colocando-o frente ao ódio, a discórdia, o "erro", a dúvida, a ofensa, o desespero, a tristeza, as trevas.

    Deus faz isto porque você pediu como oportunidade de serviço a Ele.

    Neste momento, no entanto, ao invés de agir como pedido na oração, afirma que não pode amar o próximo porque ele não está fazendo o que você quer, não está lhe dando o carinho e a retribuição que gostaria de receber, não está lhe dando as coisas materiais que você gostaria de ter.

    Apesar de rezar a Deus pedindo para amar sem ser amado, o ser humanizado vive a vida querendo ser amado para então amar.

    Para isso busca sempre escravizar os outros às suas verdades e paixões, ou seja, às suas condições para ser feliz.

    Eu gosto sempre de lembrar o ensinamento de Cristo: abraçar os amigos é fácil, eu quero ver é cumprimentar os inimigos.

    Nesta máxima está a razão da vida encarnada, ou seja, para o que você nasceu.

    Sua encarnação tem um objetivo: aprender a conviver com que não lhe ama, amando-o do jeito que está, do jeito que é.

    Para isso é preciso não fazer cobranças, não fazer exigências, não colocar imposições para amar.

    "O dia que você não mais agir desta forma eu lhe amo".

    Vivendo com este parâmetro você perdeu uma grande oportunidade de amar e isto aconteceu porque quis ser amado.

    Amar o próximo do jeito que é, do jeito que está, fazendo o que está fazendo.

    Foi para isso que você nasceu.

    © 2021 VEG11 - Alimentação e Espiritualidade - Vegetarianismo
    Menu Principal